Rocinha Slum

Rocinha Slum

Rio de Janeiro, population:6.094.183 inhabitants;Favela da Rocinha
(Rocinha slum),population: more than 150.000 inhabitants, and
growing. Some of them live in complete poverty. They want,
they need, they dream, they want the affluent society status,
they are eager to liberate CO2 in the atmosphere, same as we are.
They want to be consumers of first world democracies.
But our world is no more available to their dreams,
it might have never been. 

Our world can’t stand new consumers...
Our world can’t stand the old consumers...
We need a new way to live in this world - its time to share our dreams!

Luiz Frota

http://www.luizfrota.com / http://www.sharingvisions.org

Comments

  1. kite runners! parabéns amigo! muito legal a iniciativa… Depois passo por aqui por mais tempo.

  2. Compartilhar visôes, compartilhar mundo, compartilhar problemas e soluções. Como princípio, tudo o que é humano nos importa, certo? Assim deveria ser pelo menos.

  3. Paulo Pelá says:

    Well done my friend!! A pipa vai subir, a população vai subir, a temperatura vai subir, a agua vai subir, a favela vai descer. Alguma duvida disso??

  4. Gostei do “sharing”. E acredito nisso como uma explicação para estarmos nesse mundo. Mas não é fácil. Nem tão bonito como a foto da criança levantando sua pipa, seu brinquedo que pode ir além do horizonte que ela vê. Mas se o ato de compartilhar for algo que me completa, que me ajuda a explicar quem eu sou, que refina meus entendimentos, então ele será poderoso e rico para todos que estiverem envolvidos nisso.

  5. Dá gosto de ver.

    O menino e a pipa.

    A pipa amarela.

    A pipa vermelha.

    Que vento vai fazer essa pipa subir?

    Venta no vento.

    Pra lá e pra cá.

    Pra cá e pra lá.

    Menino sorrindo.

    E a pipa subindo.

    Subindo subindo.

    Alegre é alegria
    do menino.

    Carretel na mão.

    E a linha se indo.

    Levando uma esperança.

    Através de um cordão de prata.

    Único fio entre o céu e a existência.

  6. Grande foto, com contexto, contraste e objetividade.

    I want to get high as the skies … Esse trecho de musica traduz a plasticidade e eloquencia do momento captado.

    Grande Luiz, vida longa e nos traga mais trabalhos desse naipe.

    Abracos,
    El Raton

  7. motoserraecologica says:

    Luiz, acredito na educação como a única forma viável de transformação pessoal e de sociedades.

    Eu tenho 40 anos, fui educado mergulhado até o pescoço no consumo, ditadura, censura, mas continuo lutando contra esse sutil controle mental que a mídia nos impõe diariamente.

    Educo meus filhos procurando amar a natureza, mostrar como é ruim destruir o meio ambiente e consumir de forma impulsiva. Quero libertá-los para que não se tornem escravos do consumismo. Luto todos os dias sim, porque é muito difícil.

    A propaganda faz mesmo a cabecinha deles… Mas não é impossível vencer!

    Se a África, China e nossas favelas entrarem nessa corrida de consumo, a pressão ambiental será enorme, talvez seja o fim de todos (seria uma ironia e tanto), mas será que produzir CO e CO2 lhes trará alguma felicidade?

    Outro dia conversando com uma amigo, ele me disse que o caboclo amazonense e o nordestinho retirante da seca ou flagelado das enchentes têm o mesmo direito de consumir, encher a cara de cerveja e fazer como nós fazemos. Claro, que sim, eu retruquei, no entanto, também têm direito à consciência ambiental e educação.

    Eles têm direito a amar a terra deles, preservá-la e para isso precisam se respeitar e respeitar o meio ambiente, enfim precisam de um choque de educação!

    Creio que o melhor que podemos fazer é não dar uma de herói, mas produzir exemplos dignos de consumo consciente, nos tornarmos todos formadores de opinião e multiplicadores de conhecimento!

    A estética, fotografia e a Internet são os caminhos para sensibilizar as pessoas e ajudá-las e evoluir e não permitir que involuam.

  8. vc ta de parabens amigo, vc faz um trabalho brilhante,consegue tirar fotos incriveis,e cria depoimentos fantasticos sobre as imagens,se todos brasileiros tivesse o seu pensamento o brasil seria melhor, , aqui e flavio.complexo pedra caida. estado do maranhão

  9. Anabe Lopes says:

    contexto
    contraste
    confluem
    subirão
    sempre
    pipas coloridas
    para além do morro
    pessoas?
    sobem
    descem
    se cansam
    de nunca serem pipas
    e vão perdendo a cor…

    para além da poesia!

  10. vejo, revejo, insisto: Lindo!!!

  11. Essa sua foto é maravilhosa, tanto quanto as outras, mas ela é especial, num momento de encarar a triste realidade, com um mix de esperança e liberdade. Adoro! Jah Bless!!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: